quarta-feira, 23 de maio de 2012

Para o Francisco

Francisco,

Um dia quando leres isto já terás idade suficiente para entender o que te escrevo. E já saberás também como as coisas se desenrolaram. Provavelmente terás um sorriso no rosto porque sabes que estou a exagerar e na verdade tudo correu bem.

Ontem tive a confirmação que tens uma surdez "severa" (palavras do médico) no ouvido interno esquerdo. Aliás, ontem não tive a confirmação, porque isso eu já sabia, ontem tive a revelação de que "não há nada a fazer" se não ir vigiando. Ora o "não haver nada a fazer" deixa-me bastante desconfortável...

Eu sei, não é nada extremamente grave. És um menino inteligente, falas e explicas-te bem. Ouves bem quando não estás constipado. E há tanta gente, tantas crianças com problemas mais graves... eu sei!

Para já não sabemos se nasceste assim, ou se foi algo que aconteceu mais tarde... na verdade pouco importa.

O que me assusta é quando te constipas e deixas praticamente de ouvir. O que me assusta é que este cenário possa ter uma evolução negativa. O que verdadeiramente me assusta é que tu de alguma forma ou algum dia te sintas mal por isto!

Por isso, meu amor, quero dizer-te que venha o que vier, estamos cá para dar a volta. A única coisa que tu tens que fazer sempre (sempre) é ser feliz!

10 comentários:

Quase nos "entas" disse...

:( amiga lamento
Pode nao ser grave como tantas outras coisas, mas sao nossos filhos e ve-.los sofrer...mata-nos.
o meu tem liquido nos ouvidos desde sempre e terá de ser operado...
Espero que tudo se desenvolva pelo melhor e que o Francisco seja super saudavel e feliz. beijinho

Idamamalis disse...

:)
obrigada!

Catarina Orangina disse...

acho incrivel a tua força. talvez seja força de mãe, mas acho que tens força de mãe, força de mulher, força de ser humana... tens força! e acho-te incrível! nada do que te possa dizer te vai ajudar a mudar a situação, ou dizer algo que não saibas já... mas eu acredito no futuro, de uma forma muito positiva. beijinhos de mel*

Papi disse...

Meu pequeno e grande amor, mesmo que, e quando, por este ou algum motivo menor, te sintas privado de algum dos teus sentidos, serei sempre o teu cheiro, o teu gosto, o teu olhar, o teu tato e até o que ouves, por isso e porque sei que a vida te ira sempre sorrir, meu pequeno e grande AMOR.

Idamamalis disse...

que sorte ter vocês no meu mundo! :)

Catarina Orangina disse...

ele pode ter um ouvido mais "pequenino", mas tem um coração gigante, porque tem plantado todo este amor dentro dele!!!:)

Idamamalis disse...

:)

Margarida B. disse...

Fiquei triste com essa notícia, acredito que ainda devem estar a digerir... :'( Pela minha experiência de vida, acredito que o Francisco vai ter o mundo aos seus pés. O amor e a persistência dos pais e restante família vencem sempre. E como o ouvido direito está funcional (pelo que me pareceu) tudo vai correr bem. E hoje há no mercado próteses auditivas que fazem toda a diferença! Pelo menos a mim (surdez profunda) o fizeram. Beijinhos e se tiver alguma dúvida disponha comigo.

Idamamalis disse...

Obrigada Margarida! Que bom ler o teu comentário.

Idamamalis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.